Últimas Notícias

Informação ao doente

doente

Caso Clínico 2

Prémio novembro 2017

 Caso 17 11 imagem1

Caso Clínico

Prémio dezembro 2017

Caso 17 12 Figura3

A Sua Opinião

Que valoriza mais na Reunião Anual do NGHD?
 
Caso Clínico
Caso Clínico de junho de 2017
Winnerpicture Não existem vencedores

Tiago Leal, Bruno Arroja, Raquel Gonçalves

Serviço de Gastrenterologia do Hospital de Braga

 

Mulher de 65 anos, antecedentes de transplante pulmonar bilateral por bronquiectasias, HTA, DM tipo 2, Dislipidemia e Anemia crónica multifactorial. 

Como medicação habitual salientava-se: Tacrolimus, Prednisolona 10 mg, Everolimus 1, Insulina, Ferro e fármacos anti-hipertensores e anti-dislipidémicos.

Recorreu ao SU por diarreia com 2 semanas de evolução (>6 dejecções/dia), sem sangue ou  muco,  associada a dor abdominal, tipo cólica, difusa e febre com 4 dias de evolução. Análises: Leucócitos 3 800/ul, Hemoglobina 7 g/dl, plaquetas 247 000/ul, Ureia 116 mg/dl, Creat 2.7 mg/dl, PCR 89 mg/L. No internamento, realizou colonoscopia total que identificou deformação do cego e válvula ileo-cecal por ulceração difusa de grandes dimensões, de bordos elevados, friável e dura ao toque com a pinça de biópsias.

Caso 17 06 image1Caso 17 06 image2

Qual lhe parece ser o diagnóstico?
A resposta certa é:Úlcera isquémica

Utilizadores com resposta certa:






Site criado por www.web2business.pt