Caso Clínico Abril 2020

Marta Patita1, Despina Argyropoulou2, Gonçalo Nunes1, Mariana Brito1, Júlia Sabino1, Carla Oliveira1, Pedro Pinto-Marques1, Manuela Canhoto1

1- Serviço de Gastrenterologia Hospital Garcia de Orta

2- Serviço de Anatomia patológica Hospital Garcia de Orta

Mulher, 50 anos, com história de infecção pelo vírus da Imunodeficiência humana, sob terapêutica anti-retroviral, com carga viral indetectável. Recorreu a consulta por diarreia crónica, com cerca de 4 meses de evolução, associada a perda ponderal de 10%. Apresentava cerca de 6 dejecções por dia, sem sangue e com dejecções nocturnas. Avaliação microbiológica das fezes irrelevante.

Realizou colonoscopia total, que identificou extensa ulceração da válvula ileocecal, de base nacarada e consistência dura ao toque com a pinça de biópsia. Sem outras alterações na restante mucosa observada. A histologia permitiu o diagnóstico.

Resposta Correta: Colite a citomegalovírus

Vencedores:
marcio luiz paraboli da silva
Flávio Pereira
Rui Mendo

  • Caso Clínico Abril 2020
  • Caso Clínico Abril 2020
  • Caso Clínico Abril 2020
  • Caso Clínico Abril 2020

voltar