Caso Clínico Abril 2021

Catarina Gouveia1, Catarina Gomes1, Alexandre Ferreira1

1 – Serviço de Gastrenterologia do Hospital Beatriz Ângelo

Mulher de 35 anos sem antecedentes médico-cirúrgicos relevantes. Quadro de náuseas e enfartamento pós-prandial, associados a pirose e regurgitação alimentar com anos de evolução. Realizou endoscopia digestiva alta que revelou esófago sem alterações relevantes, estômago com morfologia mantida, mucosa do fundo e corpo sem alterações, antro com hiperémia, na face posterior do bulbo observa-se elevação da mucosa com depressão central.

Qual a hipótese de diagnóstico mais provável?

  Ectopia gástrica bulbar
  Pâncreas ectópico
  Adenoma duodenal
  Divertículo bulbar
  Adenocarcinoma duodenal

Já foi submetida uma resposta com este email.

É o proprietário do email e não submeteu resposta? contacte-nos


É o proprietário email e não submeteu resposta? contacte-nos.

Caso Clínico Abril 2021

voltar